Entenda como o trade marketing pode te ajudar no funil de vendas

 

As possibilidades que a publicidade agrega às campanhas e potencial de divulgação são diversificadas, e demandam atenção,senso crítico, criatividade, características que podem ser encontradas no trade marketing, que se concentra no consumidor final, em oposição às empresas. 

Esse modelo de marketing pode ser usado por qualquer pessoa, mas é especialmente eficaz para pequenas e médias empresas. Isso porque elas não possuem recursos ou tempo para investir em outras formas de publicidade. 

Ainda assim, há quem se interessa e procura maneiras diversificadas para atingir o público-alvo sem gastar rios de dinheiro em campanhas publicitárias tradicionais, e o trade marketing pode ser a solução ideal.
 

Definição para trade marketing em PDV

O trade marketing é um conjunto de técnicas e estratégias que visam tornar um PDV (Ponto De Venda) mais atrativo para os clientes. 

O objetivo principal dessa técnica é criar uma boa experiência de troca, e não só uma compra, para o usuário quando ele estiver nesse ponto em particular. 

Especificamente, a área de marketing que mais se envolve é a de distribuição, que deve definir e programar os canais para atender aos objetivos estabelecidos pela empresa em questão. 

Entre esses objetivos, vale destacar:

  • Aumento de compra e venda;

  • Exposição da marca da empresa;

  • Rotação maior de produtos;

  • Tráfego gerado no PDV.

A experiência do cliente em potencial no local de vendas é aumentada e melhorada, e a marca de uma empresa de engenharia civil fica em exposição com maior destaque. 

Isso ocorre de forma consequente, pois a rotação dos produtos é proporcional à experiência dos consumidores, ao mesmo tempo em que é relativo a quantidade de produtos expostos. 

Além disso, o tráfego gerado no ponto de venda tem maior circulação, pois o fabricante ou distribuidor pode oferecer promoções e ofertas conforme a aquisição de produtos e serviços. 

A principal diferença entre o trade marketing e anúncios voltados para o consumidor, como comerciais de TV e anúncios impressos, pode ser estipulada em três vertentes. 

A primeira é que as empresas anunciam diretamente nos varejistas. A segunda é que trabalham com atacadistas, e não apenas com consumidores finais, que também são chamados de distribuidores. 

A terceira vertente é que, ao contrário dos profissionais de marketing B2B (Business To Business), de empresa para empresa, em um setor de automatização industrial, e que dependem das recomendações boca a boca, precisam de um planejamento de marketing bastante específico. 

Já o modelo de negócios B2C (Business To Consumer), ou seja, da empresa para o consumidor,  está relacionado a clientes satisfeitos sobre a qualidade do produto de forma direta. 

Por que recorrer ao trade marketing?

 

Há várias razões pelas quais as empresas usam o trade marketing para comercializar os produtos. 

Primeiro, é muito mais difícil para o consumidor médio comparar quais produtos são oferecidos por diferentes empresas e o que cada uma pode fazer. 

Os anúncios de artefatos de cimento permitem que os consumidores vejam o que as empresas oferecem com exclusividade, ou que os torna melhores ou mais acessíveis do que os produtos ou marcas dos concorrentes. 

Além disso, os anúncios ocupam menos espaço em uma página de jornal, ou em um banner de internet, quando é comparado a um bloco de anúncios voltado para o modelo B2C de negócios. 

Trade marketing na prática

 

O trade marketing funciona a partir do momento em que são colocados anúncios em publicações físicas e na internet, por meio do que é conhecido como feira comercial. 

O objetivo dessas mostras é atingir varejistas, atacadistas e distribuidores, e que a seguir compartilharão o que aprenderam com os leads, ou seja, potenciais clientes, e o consumidor final. 

Normalmente, os profissionais de marketing agendam reuniões com essas partes para que possam discutir melhor a proposta, os objetivos, e quais as vantagens que um serviço referente a  reformas residenciais pode levar para todos os envolvidos. 

Benefícios agregados ao trade marketing

 

Dentre as vantagens e benefícios que o trade marketing proporciona, um dos mais interessantes é conhecido como “efeito de cauda longa”, na qual a empresa obtém várias vendas a partir de uma única peça de marketing. 

Isso aumenta o ROI (Return Over Investiment), ou retorno de investimento, considerando o que a empresa gastou na criação e distribuição do anúncio. 

Pode ser tanto uma propaganda em uma publicação do setor de serviços, como despachante Florianopolis, ou em uma plataforma online, com um público-alvo bastante específico, ou seja, um nicho em particular. 

Também é benéfico porque a empresa está alcançando pessoas que sabem exatamente o que ela está falando, em se tratando dos negócios em que está envolvida e o que funcionará melhor para a distribuição no mercado consumidor. 

Esses indivíduos podem falar o que aprenderam e fazer recomendações aos clientes com todos os argumentos plausíveis e a confiança de que está se mostrando como uma autoridade no assunto. 

Onde é possível aplicar trade marketing?

 

Há uma série de lugares diferentes onde uma empresa pode optar por anunciar o que elas oferecem para o mercado consumidor. 

Revistas comerciais, boletins informativos via e-mail, publicações online em blogs, e até mesmo as mídias tradicionais, como rádio e TV. 

O trade marketing é uma maneira das empresas alcançarem e se conectarem com novos clientes em potencial. 

Sendo assim, é preciso conhecer mais sobre os canais que podem ser utilizados pelas empresas para melhor aplicação e aproveitamento do trade marketing. 

  1. Feiras e eventos corporativos

Feiras comerciais, eventos corporativos e exposições comerciais são considerados os locais certos para demonstrar atividades de trade marketing. 

Os fabricantes de aparelho de endoscopia podem exibir os produtos nessas feiras, chamar a atenção e se relacionar ainda mais com os principais parceiros da cadeia de suprimentos. 

As feiras também oferecem oportunidades de networking e facilitam a construção de relacionamento que podem ser uma vantagem para os negócios a longo prazo. 

Além disso, diferentes feiras, eventos e exposições são organizadas regularmente em todo o mundo, nos mais diferentes segmentos produtivos. 

  1. Distribuição de cupons reforça marca

Fabricantes de produtos embalados ou varejistas emitem cupons de desconto com identificação via leitor RFID para os clientes e os incentivam a comprar o bem de consumo novamente a um custo reduzido. 

Os produtores, ou varejistas, anunciam esses cupons em jornais e revistas, ou podem fazer a distribuição por meio de folhetos publicitários e entregues diretamente em PDVs e outros locais de grande circulação de pessoas. 

  1. Amostras grátis atrai clientes

Uma amostra grátis é, de fato, uma pequena porção do produto principal que se destina à distribuição gratuita. 

São distribuídos modelos em formato de teste, seja para lançamento de novos produtos em lojas de varejo, ou pode ser entregue por um representante comercial em um ponto de venda devidamente estabelecido em um lugar com passagem de pessoas. 

  1. Descontos em períodos sazonais

Em alguns momentos os consumidores recebem um produto a um preço menor, ou com desconto interessante em relação ao preço normal, o que é chamado de oferta de valor com desconto. 

Varejistas ou distribuidores usam essa estratégia para atrair consumidores para outras marcas ou produtos.

Como exemplo, vale citar diferentes lojas de varejo que oferecem descontos especiais em roupas antes de qualquer época festiva, como carnaval, Natal e Ano Novo. 

Diferentes formas de atingir o público-alvo

 

As mídias tradicionais ainda são muito acessíveis pela população, de uma forma geral. Há sempre um aparelho de som ligado em uma rádio, ou uma televisão passando um programa de TV aos domingos, após o almoço em família. 

Por outro lado, é visível o avanço dos equipamentos eletrônicos, e como as mídias digitais podem influenciar sobre o poder de compra. 

Seja qual for a mídia escolhida, ao adotar uma campanha publicitária voltada para o trade marketing, a maior vantagem está em aumentar o reconhecimento da marca e alcançar um público mais abrangente que possa se interessar pelos bens de consumo de uma empresa.

O trade marketing é uma ferramenta poderosa que os distribuidores de camara fria para cerveja podem usar e, assim, criar a impressão indelével na mente dos consumidores. 

Os anúncios também são vistos como uma oportunidade para atrair novos investidores, já que muitos podem ficar apreensivos sem antes se familiarizar, por meio de diferentes canais, desde recomendações pessoais até a divulgação em massa. 

Conclusão

Assim como outras estratégias publicitárias, o trade marketing é uma forma de promover os produtos e serviços para outras empresas, até alcançar o consumidor final.

É importante que os pequenos e médios empresários conheçam os benefícios e as limitações antes de iniciar esse tipo de campanha, e assim possam ter uma ideia de quais resultados se aproximam da realidade.




 
Postado em: 29/04/2022 14:42:05